Death Note

O mangá foi criado pelo mangaká Tsugumi Ohba com ilustrações de Takeshi Obata. Foi publicado inicialmente na Weekly Shonen Jump entre Dezembro de 2003 e Maio de 2006

*

A versão em anime foi produzida pelo estúdio Madhouse e dirigida por Tetsurō Araki, tendo sido exibida entre 3 de outubro de 2006 e 26 de junho de 2007, contando com 37 episódios.

#

Primeira Temporada

Yagami Light (“Raito” na transcrição literal do katakana) é um jovem estudante muito inteligente, que leva uma vida considerada entediante ao seu ponto de vista. Isso muda quando ele encontra um estranho caderno no chão, com o título de “Death Note”. No início, Light imagina ser apenas uma brincadeira de mal gosto, mas após testá-lo, começa a aplicar uma espécie de “punição divina” aos criminosos, matando todos de ataques cardíacos. Não demora para ele descobrir que o caderno possui um dono: um Shinigami chamado Ryuk (“Ryuuku” na transcrição literal do hiragana).

Devido aos acontecimentos que se seguem, a polícia começa a suspeitar que alguém é responsável pelas misteriosas mortes de ataques cardíacos dos criminosos. Então, a força policial do Japão começa a trabalhar em conjunto com “L”, nomeado o melhor detetive do mundo, cujo rosto ninguém conhece.

Light continua com seu objetivo de limpar o mundo, assassinando criminosos pelo Japão e pelo mundo. A imprensa e seus admiradores passam a intitulá-lo de Kira (a pronúncia japonesa de “Killer”, assasino em inglês).

Começa então um jogo de gato e rato entre L e Light para ver quem terá sua identidade exposta primeiro.

L suspeita que Kira possa estar vinculado as pessoas do time de investigação, então aciona o FBI que passa a investigar as famílias dos policiais.

Após detectar o FBI, Light consegue descobrir o nome de um dos agentes (Raye Penbar), durante um seqüestro simulado. Após isto, manipula Raye para escrever em uma folha do Death Note os nomes dos demais, matando os 12 agentes que estão no Japão investigando Kira.

Filtrando as pessoas investigadas pelo FBI, L começa a suspeitar de Light e o monitora através de 64 câmeras e escutas instaladas em seu quarto. Light nota que está sendo espionado e faz planos inteligentes para continuar com os “julgamentos”.

Sem nenhuma evidência e com as câmeras retiradas, L ainda suspeita de Light e entra na mesma faculdade que ele, com o nome falso de Hideki Ryuuga. Após revelar sua verdadeira identidade a Light, L o convida para juntar-se à equipe de investigação com a intenção de continuar espionando-o.

Mais tarde, Light e L concluem que há um Segundo Kira que, ao contrário do original, pode matar sem saber o nome da vítima (o Kira original, precisa do nome e o rosto da vítima pra matar,pois nao havia feito o acordo do olho de Shinigami). O segundo Kira é Amane Misa,que é uma grande admiradora de Kira,pois ele matou o assassino de seus pais,logo depois de descobrir que era Light ela se apaixona e decide ir atrás dele,pedindo para que ele se torne seu namorado e em troca, ela o ajudará a descobrir o verdadeiro nome de L.

Light fica sabendo que existem alguns acordos que os Shinigamis podem fazer com os donos do Death Note :

1. O usuário do Death Note abdica metade de sua vida restante para poder ver o nome e a expectativa de vida de uma pessoa apenas olhando pra ela. Misa fez esse acordo, mas Light não.

2. O usuário pode abdicar a posse do Death Note e, ao fazer isso, fazendo isso perde a companhia do Shinigami e esquece tudo sobre o caderno.

L eventualmente deduz a identidade do segundo Kira e prende Misa, essa, por sua vez, abdica a posse do Death Note (é outro tipo de acordo) como parte do plano de Raito, perdendo as memórias relacionadas ao caderno.

Com várias evidências e suspeitas contra si, Light pede para que L o prenda, porém, antes disso, ele passa o caderno para que outra pessoa continue com os “julgamentos de Kira” e enterra o Death Note de Misa numa floresta. Enquanto está preso, Light abdica o Death note, perdendo todas as memórias relacionadas a ele, exatamente como queria. Seu pai, Yagami Souchirou, pede pra ficar detento e diz que só sai quando seu filho sair também.

Após 50 dias de detenção, L é forçado a soltar Misa, Light e Souchirou. L arma um plano para que Yagami Souchirou fizesse Light e Misa acreditarem que o detetive concluiu os dois são o primeiro e o segundo Kira, respectivamente, e levasse os dois para o corredor da morte. Assim, com o amor enorme de Misa por Light, ela mataria Souichirou para salvar a vida do namorado. Quando o pai apertar o gatilho da arma na cabeça de Light, pode-se ver que as balas eram de festim e que L estava observando tudo. Mas o detetive, não desistindo de suspeitar de Light, algema-se a ele.

O novo dono do Death Note era Kyosuke Higuchi, da empresa Yotsuba, que era composta por 8 membros. Ele matava membros de empresas rivais para beneficiar a sua. Os membros da Yotsuba escolhiam qual concorrente deveria morrer. Apesar de não saberem quem era Kira, desconfiavam que o mesmo estaria entre eles. L, Light, Misa e o resto da equipe do caso Kira conseguem pegar Higuchi e então, L descobre sobre o Death Note. Light, ao tocar o Death Note, recupera suas memórias perdidas.

Light mata Higuchi secretamente e faz com que a equipe de investigação suspeite de Misa novamente, forçando Rem, a Shinigami que acompanhava Misa, a matar L e Watari, seu ajudante.

Rem, então morre pois quando um shinigami mata por motivos passionais, portanto preservando a vida de um humano,ele é condenado a morte.


Segunda temporada

7 anos depois, Light se torna oficial da polícia japonesa e toma o lugar de L, assumindo a identidade de L e mantendo a de Kira, diminuindo a criminalidade no Japão. Muitas pessoas e governos do mundo declaram apoio a Kira.

Near, que é do Lar Whammy, um orfanato para superdotados (o mesmo de onde foi escolhido o L morto anteriormente) e deveria ser o sucessor de L, fica sabendo que alguém já tomou seu lugar. Após um longo estudo sobre o caso Kira, Near descobre sobre Light, de quem passa a suspeitar, e pede ajuda a ele para prender Kira. Mello, que era outro possível sucessor de L, saiu do Lar Whammy com a intenção de pegar Kira à sua maneira. Recusando-se a cooperar com Near, consegue obter o Death Note e seqüestra Sayu Yagami, irmã de Light. Quando o Death Note é recuperado pela equipe de investigação, Mello consegue descobrir algumas regras sobre o caderno. Near, por outro lado, consegue o apoio do governo americano e forma a SPK (Special Provision for Kira – Força-Tarefa de Combate a Kira) composta por membros da CIA e do FBI escolhidos a dedo.

Com uma informação dada por Mello, Near suspeita que o novo L é Kira. Mais tarde, Near deduz a identidade real de L graças a uma informação dada por Aizawa, outro membro da equipe de investigação. Percebendo as suspeitas, Light pede para que Misa destrua todas as possíveis evidências contra eles e passe a posse do Death Note para Teru Mikami, uma pessoa que ele escolheu para fazer os “julgamentos”.

Teru Mikami adora Kira como a um deus e pretende punir aqueles que considera maus.

Light faz contato com Mikami através de Takada Kiyomi, a escolhida de Mikami como porta voz, que havia sido namorada de Light na universidade. Light se aproxíma de Takada e se revela como Kira. Enquanto isso, Near descobre sobre a existência de Mikami.

Light pede para que Mikami escreva os nomes em um Death Note falso e mande a lista dos criminosos por e-mail para Takada toda noite. Takada então é encarregada de escrever os nomes no Death Note. O verdadeiro Death Note de Mikami é guardado em uma caixa de depósito de banco, sendo usado apenas quando Light ordena. Near e a SPK observam Mikami e sua rotina, adquirindo assim a posse de seu Death Note falso.

Near e Light decidem se encontrar para ver de uma vez por todas quem será o vencedor. Light fica confiante de que Near achou o caderno falso e irá trocar pelo seu próprio para realizar o encontro. De repente, Mello seqüestra Takada para capturar Light. Takada mata Mello com um pedaço de folha do Death Note que carregava. Sabendo do seqüestro através da TV, Mikami vai ao banco matar Takada e destruir as evidências, Light faz o mesmo com o pedaço do Death Note que carregava. A SPK percebe a mudança na rotina de Mikami e ganha acesso ao verdadeiro Death Note. Comparando os nomes do caderno real aos do falso, Near descobre o plano de Light de fazer Mikami carregar um Death Note falso para servir como isca. Então, Near troca os cadernos por cópias perfeitas.

Near e Light se encontram em um depósito abandonado com suas equipes. Light planejou que Mikami, escondido, matasse todos os presentes (exceto o próprio Light), usando seus olhos de Shinigami. Após isso, Light ordena que Mikami se mostre, mas o tempo passa e ninguém morre. Mikami é preso pela SPK e Near revela que obteve o Death Note original recentemente. Então, é mostrado que Mikami havia escrito os nomes de todos os presentes no local, exceto o de Light.

Light finalmente confessa ser Kira e explica sobre seu “mundo melhor”, porém, Near o contraria dizendo que esse não é o modo certo de fazer justiça e o chama de assassino. Então, Light tenta escrever o nome de Near em um pedaço do caderno que carregava em seu relógio, mas é baleado por Matsuda.
Final do Mangá

Em uma tentativa desesperada de vencer, Light implora que Ryuk escreva os nomes de todos os presentes no Death Note. Ao ver a situação de Light, Ryuk escreve seu nome no caderno. Light, em vão, implora por sua vida.

Final do Anime

Após ser baleado por Matsuda, Mikami se suicida e toda a atenção é voltada a ele. Light aproveita a situação e foge, mesmo todo baleado. Os membros da investigação vão atrás dele mas não o encontram. Ryuk escreve o nome de Light no Death Note e ele morre, numa escada de um lugar desconhecido.
Após o final (só existe no mangá)

No fim, Near se torna o novo L e o mundo volta ao “normal”. Matsuda e Ide observam que o nível de criminalidade voltou ao normal e questionam se era certo matar as pessoas que não seguem a justiça. Kira ainda arrecada seguidores mesmo estando morto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s